Como planejar um cardápio de bebidas para seu casamento

bebidas para casamento

Todas as grandes festas têm três coisas em comum: ótimas pessoas, ótima comida e um bar incrível. Aqui estão algumas dicas e truques que aprendemos ao longo do caminho para fazer sua recepção se destacar das demais.

Decida quanto de bebida alcoólica você precisa?

Se você está contratando um bufê ou fazendo sua festa em um local que forneça um bar, como é o caso aqui do Sítio São Jorge, então isso é algo que será resolvido junto com todo o resto da organização do casamento.

Se você está organizando um casamento faça-você-mesmo, ou pelo menos planejando ter um bar faça-você-mesmo, a regra geral é planejar que um convidado terá uma bebida por hora, em média.

 

Cálculo de quantidade

Essa é uma sugestão do cálculo de bebida por quantidade de pessoas.

  • Champanhe ou espumante: 1 garrafa para cada 3 convidados (se for a única bebida) / se for apenas para o brinde calcula-se 1 garrafa para cada 6 convidados;
  • Vinho tinto: 1 garrafa para cada 10 convidados;
  • Cerveja: 3 latinhas para cada convidado ou 1,5 garrafa para 4 pessoas (se tiver outra bebida);
  • Whisky ou Vodca: 1 garrafa para cada 10 convidados;
  • Refrigerante: 400ml cada convidado;
  • Água: 1,5 garrafas para cada convidado;
  • Energético: 1 lata para cada 3 convidados.
  • 1 garrafa por pessoa 600ml (se não tiver outras bebidas).

 

Saiba quais bebidas alcoólicas incluir

Geralmente, um bar completo tende a ter pelo menos dois tipos diferentes de cerveja, um tipo de vinho branco, um tipo de vinho tinto, um champanhe ou espumante e licores básicos como vodca, gin, uísque, tequila e rum.

Misturadores variados incluem tipos de refrigerantes, sucos e água, que também podem ser oferecidos como bebidas não alcoólicas

 

Prove o seu vinho primeiro

Há degustações de vinho por um motivo. É sempre bom saber qual será o sabor do seu vinho antes de servi-lo. Afinal, o vinho tende a ser uma das bebidas mais populares da noite, pois geralmente é servido no jantar.

Tintos são mais pesados, como o cabernet sauvignon, combinam melhor com alimentos mais ricos e densos, como rosbife. Um tinto mais claro, como um Pinot moir, combina melhor com frango ou macarrão. Isso vale para os brancos.

Enquanto você deseja desfrutar de suas escolhas de vinho, você também quer ter certeza de que seus convidados irão apreciá-las também. Limite-se a agradar ao público.

 

Dicas de vinho

Ao planejar o vinho para o seu casamento, recomendamos mantê-lo simples. Selecione um tinto, um branco e um espumante. Você pode pensar que precisa de uma variedade enorme para atender a todas as necessidades de seus convidados, mas não precisa!

A melhor coisa a fazer é comprar um vinho que se enquadre no seu cardápio. Seus convidados irão apreciar a combinação de vinho e comida e ficarão totalmente encantados.

Uma caixa de vinho equivale a 60 doses.

O convidado médio consome em média dois drinques na primeira hora e, em seguida, um drinque a cada hora adicional. (Exemplo: uma recepção de 3 horas para 150 convidados = 10 caixas de vinho.

O mais popular para servir é o Chardonnay e o Pinot Noir porque eles combinam muito com todas as comidas!

Conte uma história com o vinho: Escolha vinhos da região onde vocês se conheceram, ou seu lugar favorito, ou seu destino de lua de mel!

Sirva um espumante mais doce para complementar a doçura do bolo.

Coloque as garrafas de vinho abertas nas mesas da área de jantar para que os convidados possam se servir. Anexe uma nota doce para seus convidados.

Se você quer algo divertido, monte um bar de champanhe com uma variedade de sucos, frutas frescas e licores. É perfeito em qualquer época do ano e os convidados podem se servir sozinhos.

 

Dicas para coquetéis

Seja criativo! Sirva dois coquetéis exclusivos em vez de um open bar. Isso mantém os custos baixos e o torna realmente pessoal. Você poderia servir um coquetel de uísque e um coquetel de vodca lado a lado e deixar os convidados se servirem.

Coordene a cor do seu coquetel exclusivo para combinar com a paleta de cores do casamento. Pense em todas as possibilidades: manga, lavanda,

framboesa e entre outras.

Ama martinis? Monte uma barra de martini com garrafas de vodca, gin, vermute, azeitonas e copos de martini.

Uma cafeteria com uma variedade de licores é uma ótima maneira de encerrar a noite.

Os barmen são os melhores. Contrate um profissional para administrar o bar para que seus amigos e familiares aproveitem a festa.

 

Cerveja

Que tal cerveja artesanal para combinar com o menu? Com certeza vai agradar a todos os amantes da cerveja em sua festa.

 

Bebidas Não Alcoólicas

Não se esqueça de garantir bebidas não alcoólicas! Você quer ter certeza de que os abstêmios, os motoristas designados no grupo têm uma alternativa.

Vá além dos refrigerantes tradicionais e experimente uma seleção de refrigerantes dos velhos tempos, cidras, suco, café, chá e águas. Incluir um ponche sem álcool é uma ótima alternativa as bebidas alcoólicas também.

 

Considere ter um coquetel exclusivo

Alguns casais preferem um coquetel exclusivo no menu. Pode ser uma bebida que você e seu parceiro apreciem, ou talvez tenha um valor nostálgico. Alguns casais chegam a preparar uma bebida única que pensam ser um reflexo deles. Novamente, isso exigirá alguns experimentos e degustação – algo que achamos que você não se importará de fazer!

Preste atenção ao clima

Quando será o seu casamento? Se você está fazendo um casamento no verão, você vai querer bebidas mais leves, como vinho branco, vinho rosado e qualquer coisa que seja gelada.

Se você vai se casar durante os meses mais frios, deve considerar opções como vinhos tintos, conhaques e uísques, mas também incluir bebidas quentes especiais em seu menu, como um chocolate quente ou café.

Com um pouco de planejamento e muita degustação, você e seu parceiro poderão preparar um cardápio de bebida para a festa de casamento que atende às necessidades e ao paladar de todos.